Saiba qual a fralda ideal para o conforto do bebê

Com a chegada do bebê, as fraldas farão parte da rotina por pelo menos dois anos. Os recém-nascidos usam, em média, de oito a dez fraldas por dia. De seis meses a um ano há uma redução gradativa, passando de oito para até quatro fraldas diárias. A partir de um ano e meio serão em média três trocas, até o desfralde diurno.

Para garantir o conforto do bebê será preciso considerar, na hora da compra, o tamanho adequado da fralda de acordo com o peso da criança – além de avaliar a qualidade, capacidade de absorção e formato anatômico.

Veja algumas dicas para garantir que seu bebê fique sempre sequinho e confortável com a fralda.

Modelos para recém-nascidos

Dependendo do tamanho e do peso do recém-nascido ele nem chegará a usar o modelo RN – indicado para crianças com até 3,5 kg – mas é bom garantir ao menos dois pacotes para os primeiros dias. Nessa fase o cocô é muito molinho, quase líquido, e para evitar vazamentos e a troca de roupa a cada troca de fralda, opte por modelos que tenham um bom ajuste nas laterais.

Fraldas diferentes para o dia e para a noite

Durante o dia o bebê se movimenta mais, por isso é importante se preocupar com o ajuste da fralda no corpo para evitar vazamentos – os modelos com laterais elásticas são ideais.

Mesmo que as trocas diurnas sejam mais frequentes, é bom observar o material e a espessura da fralda – as que têm plástico na parte externa ou são mais grossas podem esquentar muito e causar desconforto. A flexibilidade do material também é importante para garantir maior liberdade de movimentos.

A fralda noturna tem que ser mais absorvente para evitar a troca durante o sono e garantir que o bebê fique sequinho e durma bem. Uma boa fralda noturna é a que segura o xixi até pela manhã, sendo necessária a troca à noite apenas se houver cocô.

Cuidados com o material e o risco de alergias

Os fabricantes demonstram preocupação em fazer as fraldas com materiais que reduzam os riscos de alergia. Mas ainda assim, como a pele do bebê é muito sensível, é preciso observar se determinada marca não está causando mais episódios de irritação e assaduras – apesar de todo o cuidado dos pais.

Não compre muitas fraldas de uma mesma marca e modelo – caso seu bebê não se adapte a uma específica você pode testar outra sem muitas perdas.

Muitas marcas vêm inovando e trazendo materiais mais macios, suaves e absorventes – com grandes ganhos em conforto e economia.

Atenção ao tamanho certo para o peso do bebê

O tamanho da fralda é definido pelo peso da criança – usar a fralda do tamanho errado vai interferir diretamente no conforto. Fraldas maiores vão ficar largas e causar mais vazamentos, fraldas menores vão apertar e podem causar coceiras e alergias onde a pele ficar pressionada.

O tamanho RN é para crianças de até 3,5 kg; o P é para bebês de até 5 kg, normalmente usado nos dois primeiros meses; O M vai de 5 kg até 9 kg e é usado partir dos três meses; o tamanho G é para crianças de mais de 9 kg até 12 kg e o EG, acima de 12 kg, usada normalmente a partir dos 18 meses.

A fralda ideal para o conforto do bebê será aquela que se adaptará melhor a ele, que o deixará sequinho, sem vazamentos recorrentes de cocô e xixi e, principalmente, que não causará alergias.

Gostou das dicas? Então navegue pelo nosso blog e conheça mais dicas para o bem-estar do seu filho.

Web Kids

Ambiente ideal para comprar, vender e doar, móveis, brinquedos e artigos, novos e seminovos, para bebês e crianças.

Posts Relacionados

thumbnail
hover

O que fazer com itens de...

Não precisa ser papai ou mamãe de filhos pequenos para saber que eles crescem rapidamente. Com isso, muitos itens de bebê, como brinqued...

thumbnail
hover

Veja 5 brinquedos artesanais para as...

Você é mãe, trabalha e adora estar em casa com a família. Cuida da educação dos filhos e está sempre com eles. O momento de brincar ...

thumbnail
hover

Conheça 7 brincadeiras para festas infantis

Você e seu filho já prepararam os detalhes da festa de aniversário dele, mas já pensaram nas melhores brincadeiras para festas infanti...

Deixe-nos um comentário